page--front.tpl.php

Discalculia. Avaliação e Intervenção Precoce

Discalculia. Avaliação e Intervenção Precoce

DATAS DE REALIZAÇÃO

  • 20/04/2024 - Das 09h30 às 13h30
  • 27/04/2024 - Das 09h30 às 13h30
  • 04/05/2024 - Das 09h30 às 13h30
  • 11/05/2024 - Das 09h30 às 13h30
  • 18/05/2024 - Das 09h00 às 13h30
  • 25/05/2024 - Das 09h00 às 13h30
  • DURAÇÃO
    25H (21H Síncronas e 4H Assíncronas)
    FORMATO
    B-learning
    IDIOMA
    Português
    PLATAFORMA
    Zoom
    INVESTIMENTO
    €245

    Detalhe/Condições de investimento

    Investimento - €245

     

    Possibilidade de fracionar em duas prestações

    No caso do pagamento fracionado as prestações devem ser liquidadas nos seguintes momentos:

    • primeira prestação - no ato de inscrição.
    • segunda prestação - até à data de início do curso. 

     

    Nota: Com o pagamento da primeira prestação e verificando-se a confirmação de realização do curso, entre os 9 e 3 dias antes da data de início, o aluno fica comprometido a efetuar o pagamento de 50% do valor estabelecido. Após este período o aluno obriga-se a liquidar o valor total do curso.

     

    Atenção: Caso já tenha sito aluno do ISPA ou da Formação ISPA, utilize as credenciais anteriormente atribuídas. 

     

    É aceite o cancelamento da inscrição até 10 dias antes da data de início, sendo o participante reembolsado na íntegra (100%). Cancelamentos efetuados entre 9 e 4 dias da data de início do curso, inclusive, o participante será reembolsado em 50%. Não haverá lugar a reembolso para desistências até 3 dias antes do início do curso e após confirmação do mesmo. 

     

    Número máximo de inscrições - 20 vagas

    PÓS GRADUAÇÃO MODULAR
    Sim

    Descrição

    As competências de calculo são cada vez mais importantes no percurso pessoal e profissional, e no entanto muitas crianças apresentam dificuldades de aprendizagem que tarde ou nunca são detetadas durante o seu percurso escolar. Segundo a British Dyslexia Association, cerca de 5% da população sofre de discalculia, mas 1 em cada 4 tem ou teve dificuldades com a Matemática. Em Portugal estes números representam milhares de pessoas, jovens e adultos, cuja vida é afetada por uma ausência de despiste, um despiste mal feito, uma intervenção mal estruturada.

    Esta formação visa capacitar técnicos que trabalham com crianças para a compreensão do que é a Discalculia, quais os seus critérios diagnósticos e como identificar e reconhecer crianças em risco. Com uma forte componente prática e focada no "saber fazer" esta formação pretende também preparar os formandos para a intervenção nos diferentes graus das Dificuldades e Perturbações da Aprendizagem Específica da Matemática.

    Em colaboração com o Núcleo da Discalculia - Apoio Psicopedagógico e Formação

    Destinatários

    • Psicólogos;
    • Educadores de infância, professores do Ensino Básico e Secundário; 
    • Técnicos em educação especial e de outras áreas de Educação. 

    Objetivos do curso

    • Proporcionar um quadro de referência teórico e prático na identificação, avaliação e intervenção nas Dificuldades na Aprendizagem da Matemática.
    • Preparar os formandos a adquirir competências que lhes permitam identificar atempadamente crianças em risco de terem dificuldades futuras na matemática, avaliar e intervir nas Dificuldades na Aprendizagem da Matemática em crianças e jovens com diferentes graus de severidade, que vão desde o Baixo Desempenho na Matemática à Discalculia Desenvolvimental.

    Percurso de aprendizagem

    1. Modelo de desenvolvimento numérico da criança pré-escolar (4h)

    • Introdução: Baixo desempenho em matemática - implicações individuais, educacionais, sociais e profissionais.
    • Bases neuronais envolvidas na representação numérica humana e aritmética mental.
    • Fatores cognitivos de domínio geral e específico preditores do desempenho aritmético.

     

    2. Dificuldades na Aprendizagem da Matemática - do Baixo Desempenho em Matemática à Discalculia (2h) 

    • Discalculia desenvolvimental: definição, prevalência e subtipos e comorbilidade.
    • Discalculia versus Baixo Desempenho em Matemática.
    • Fatores emocionais e motivacionais.

     

    3. Identificação e Avaliação nas Dificuldades na Aprendizagem da Matemática (2h) 

    • Critérios de Diagnóstico da Discalculia.
    • Prova de Identificação de crianças em risco de terem dificuldades na matemática.
    • Provas de avaliação de fatores cognitivos de domínio geral e específico.

     

    4. Intervenção em Discalculia e Dificuldades na Aprendizagem da Matemática (10h) 

    • Princípios reguladores da intervenção.
    • Programas de intervenção digitais (e.g. videojogo) e não digitais (e.g. materiais manipuláveis).

    Estratégia pedagógica

    Recursos aos métodos expositivo, demonstrativo, ativo e ao método de análise de casos.

     

    Avaliação 

    No final do curso, os formandos deverão apresentar um relatório psicopedagógico sobre um estudo de caso (Trabalho Final) previamente fornecido pela formadora. A estrutura deste Trabalho Final será disponibilizada no início do curso e a sua entrega deverá ocorrer após o final do curso (em data a indicar no início do curso pela formadora).
    A classificação final do curso é expressa numa escala de 0 a 20 valores, em que o resultado do Trabalho Final tem uma ponderação de 80% e a participação de 20% (participação individual e de grupo). A participação do grupo diz respeito à criação de programas de treino para intervir nas competências básicas da matemática sob a supervisão da formadora.
     

    Equipa pedagógica

    Lília Marcelino

    Psicóloga. Doutorada em Educação. Investigadora integrada, CICANT - Universidade Lusófona. Docente FCSEA – Universidade Lusófona de Lisboa e IPLUSO-ESEL – Escola Superior de Educação da Lusofonia. Diretora do Núcleo da Discalculia.

    Licenciada em Psicologia na Universidade Lusófona desde 2005, membro da Ordem dos Psicólogos Portugueses (cédula profissional nº 13185) e membro internacional da MCLS - Mathematical Cognition and Learning Society.  Ex-bolseira de doutoramento pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (SFRH/BD/69366/2010), é doutorada em Educação desde 2015. Foi investigadora de pós-doutoramento no projeto “Participação social em alunos com NEE em escolas públicas”, projeto este financiado pela FCT (PTDC/MHC-CED/4150/2014).

    As suas áreas de investigação são a Cognição Numérica e Dificuldades na Aprendizagem da Matemática e mais recentemente, a Aprendizagem baseada em Jogos com publicações em revistas científicas e participações em eventos científicos nacionais e internacionais.

    Tem formações certificadas para psicólogos em colaboração com o ISPA -Formação Avançada e outras formações direcionadas para professores e outros profissionais na área da educação em colaboração com outras instituições, nomeadamente, Centros de Formação de Agrupamentos de Escolas. É investigadora integrada no CICANT – Universidade Lusófona no âmbito do projeto GBL4deaf - Videojogos Educativos Acessíveis a Surdos.

    Atualmente, é diretora do Núcleo da Discalculia onde apoia crianças e jovens com dificuldades na aprendizagem da matemática e docente universitária onde leciona Métodos de Intervenção Socioeducativa e Psicologia da Aprendizagem, Desenvolvimento e Educação.

    Certificado e Acreditação

    Certificado 

    O Certificado de Participação é atribuído aos formandos que não pretendam ser sujeitos à avaliação das aprendizagens. 

    O Certificado de Formação é atribuído aos formandos que realizam a avaliação das aprendizagens com aproveitamento. 

    Em ambos os casos, a assiduidade tem de ser igual ou superior a 90% da carga horária total.

     

     

    Requisitos técnicos

    Os candidatos à frequência deste curso devem reunir os seguintes requisitos:

    • Ter acesso a um computador / telemóvel / tablet com ligação à Internet e um browser (programa para navegar na web), como o Chrome, Internet Explorer, Firefox ou Safari;
    • Aplicação Zoom;
    • Ter conhecimentos de informática na ótica do utilizador.

     

    Atenção: Caso já tenha sito aluno do ISPA ou da Formação ISPA, utilize as credenciais anteriormente atribuídas. 

    Pós Graduação Modular

    Este curso integra a Pós-Graduação em Linguagem e Dificuldades de Aprendizagem

     

    Conheça a Pós-Graduação: Pós-Graduação em Linguagem e Dificuldades de Aprendizagem | Formação Ispa

     

     

    Plano de estudos:

     

    MódulosHoras de contactoHoras trabalho autónomoECTSMais informações
    Linguagem18h27h2Saiba Mais
    Linguagem Escrita18h27h2Saiba Mais
    Dislexia. Avaliação e Intervenção18h27h2Saiba Mais
    Dislexia para não Psicólogos18h27h2Saiba Mais
    Discalculia. Avaliação 25h27h2Saiba Mais

     

     

    Atualização do Plano de Estudos

     

    A Pós-graduação em Linguagem e Dificuldades de Aprendizagem encontra-se em processo de revisão/atualização do Plano de Estudos. Até março de 2024 vigorará o plano de estudos divulgado.

     

    Para os alunos que não terminem o seu percurso até março de 2024, existirá em 2024/2025 um Regime de Transição que permitirá o reconhecimento/equivalências dos módulos frequentados.